Justiça e Cidadania - Wálter Maierovitch show

Justiça e Cidadania - Wálter Maierovitch

Summary: Discussão de temas ligados a conflitos internacionais, terrorismo, crime organizado, direitos humanos e civilidade.

Join Now to Subscribe to this Podcast

Podcasts:

 No TSE, ministro Benjamin deve votar por realização de eleições diretas | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:06:58

Já que as eleições diretas foram fraudadas pelo abuso de poder político e econômico, Herman Benjamin parece entender que é o caso de repetir a votação. Hoje, o Plenário do STF irá analisar o caso de Marquinhos Mendes, que assumiu a cadeira de Eduardo Cunha e logo depois renunciou por ter preferido ser prefeito de Cabo Frio.

 Prisão preventiva de Aécio tem fundamentação jurídica | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:04:11

A lavagem de dinheiro é crime permanente. Enquanto o dinheiro estiver oculto, cabe flagrante. Senador também continua praticando obstrução de Justiça, em situação similar a Delcídio do Amaral. Mas o plenário da Casa teria a última palavra. Será que os parlamentares serão solidários com um mineiro, morto politicamente, insepulto e chamado Aécio Neves?

 Moro já formou seu convencimento | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:05:40

Na ação penal conhecida por triplex do Guarujá, o juiz Moro indeferiu pedidos para alongar a produção de provas. Ou melhor, Moro negou reabrir a instrução que se encerrou com o interrogatório de Lula. Os pedidos foram formulados pelo Ministério Público e pela defesa de Lula.

 E se Lula fosse exposto ao polígrafo? | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:08:26

Isso não é admitido na Justiça brasileira, já que não há valor científico, mas ex-presidente se mostrou nervoso, reticente e vacilante quando respondeu perguntas sobre investigações como o triplex. Apenas quando o assunto era política ele dominava a discussão. Mas tempos que lembrar que o mundo todo conhece a figura do laranja para esconder fraudes financeiras. Reclamar, todos podem. Mas nenhum direito constitucional de Lula foi violado. Sérgio Moro tem o princípio da livre convicção do juiz e terá que pesar depoimentos e provas para decidir pela condenação ou não. No entanto, decisões têm que ser justificadas.

 Falar em embate entre Lula e Moro é pura ignorância jurídica | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:06:02

Lula é réu, ou seja, é parte processual. Moro é sujeito na relação processual e tem o dever de ser imparcial. O embate será do Ministério Público, que representa o direito de punir do Estado, contra o ex-presidente, titular do direito subjetivo de liberdade.

 No julgamento do pedido de liberdade de Dirceu, saiu um gol em impedimento | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:05:54

Até os panos das togas sabem dos vínculos de amizade de Dias Tóffoli com José Dirceu. Tóffoli trabalhou com Dirceu e chegou ao STF com apoio de Dirceu. Aliás, no Mensalão, Tóffoli votou pela absolvição de Dirceu. Não se sabe qual a razão de os impedimentos de Tóffoli não terem sido levantados pela Procuradoria da República, que atua como fiscal do cumprimento da lei.

 Nas acusações contra Lula, há um insano jogo de torcidas e o que menos importa é a verdade | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:05:50

Ele deve ser ouvido por Sérgio Moro até maio. Será a grande oportunidade para Lula colocar tudo em pratos limpos. Todo réu pode, no interrogatório, silenciar. E o silêncio não pode ser usado para condenar o réu. Este não está obrigado a produzir prova contra si. O ex-presidente já avisou que vai esclarecer tudo.

 Políticos mais destacados encontram na imunidade constitucional uma tábua de salvação | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:06:29

Com tanta gente se afogando nas águas poluídas da Lava-jato, os políticos de altos cargos se agarram no artigo da Constituição que manda para a geladeira os processos criminais. E, no momento, a plataforma mais segura é ser eleito presidente da República.

 Depois da lista, Brasil assume liderança mundial em investigações de suspeitos poderosos | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:05:47

Na lista de Janot, que virou lista de Fachin, temos oito ministros, 24 senadores, 39 deputados e três governadores, além de três ex-presidentes. Todos são, por enquanto, meros suspeitos.Lógico, uns mais suspeitos do que os outros.

 Poder e dinheiro são os valores mafiosos que contam para as famílias dos Cabrais da vida | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:06:11

Não precisa ser conhecedor do fenômeno do crime organizado mafioso para saber que os pais educam os filhos para buscarem, quando adultos e a qualquer custo, poder e dinheiro. Adriana Ancelmo, esposa do ex-governador Sérgio Cabral, obteve a substituição da prisão preventiva fechada pela prisão domiciliar. O motivo: seus dois filhos, de 11 anos e 14 anos, precisariam dos cuidados da mãe.

 A região vinícola do Chianti nunca esteve tão próxima de Atibaia | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:05:54

Os ex-presidentes Lula, do Brasil, e Dmitri Medvedev, da Rússia, fizeram essa distância diminuir. No sítio de Atibaia, ocupado por Lula, havia uma adega requintada. Na Toscana de Chianti, Dmitri Medvedev é suspeito de produzir 100 mil garrafas ano de vinho Chianti clássico, com selo de exportação. Ou seja, nos dois lugares vinho bom nunca faltou.

 Carne da bresaola italiana é 100% brasileira | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:05:36

Dos frios e embutidos da exportação italiana, a bresaola é a mais vendida. Bate em vendas o presunto de Parma e o sofisticado e caro presunto San Danielle.

 Papa Francisco fará consultas populares para escolher o substituto do arcebispo de Milão | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:04:26

O mesmo será feito para decidir quem comandará a CEI, Conferência Episcopal Italiana, que é a CNBB da Itália.

 Acabar com sigilo em inquéritos, como pretende Jucá, é inconstitucional | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:04:07

A própria lei reconhece o segredo como de capital importância para o sucesso das investigações. Em razão disso, caberá, no caso, ao procurador Janot deliberar sobre o levantamento ou não do sigilo.

 ‘Gangster brasileiro’ será destaque nesta quarta-feira de cinzas | File Type: audio/mpeg | Duration: 00:05:49

Marcelo Odebrecht vai depor nesta tarde. Ele será ouvido pelo corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, o ministro Herman Benjamin, em Curitiba. O depoimento está marcado para às 14h30, na sede do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná. Ele deve dar respostas apenas dentro do seu interesse.

Comments

Login or signup comment.